Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə109/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   105   106   107   108   109   110   111   112   ...   201

LUCAS MONTEIRO BIANCHI


Resumo: Neste trabalho foi realizado um estudo dos fatores associados à inserção e permanência dos alunos do curso de pedagogia oferecido pela UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso) no Japão. Para isso foi utilizado às respostas obtidas de 150 no ano de 2010 por meio de uma pesquisa eletrônica (e-survey) Babbie (1999), que buscou obter de características, ações ou opiniões do grupo de alunos utilizando a internet como ferramenta. Inicialmente foi realizado o teste exato de Fisher para verificar a associação de variáveis constantes no questionário, em que foi possível verificar que dentre os cruzamentos das variáveis, apenas estavam associados o sexo ao ramo de atividade do primeiro emprego no Brasil. Numa segunda etapa buscou-se identificar os fatores que influenciam no tempo de permanência no Japão dos alunos do curso de pedagogia oferecido pela UFMT/Tokai utilizando análise de sobrevivência. Para o ajuste dos dados utilizou-se o modelo de regressão log-gama generalizado exponenciado (LGGE) com dados censurados estimando os parâmetros através do método de máxima verossimilhança. Foi considerado como variável de estudo o tempo de permanência no Japão e foram consideradas as seguintes covariáveis: sexo (Masculino ou Feminino), idade do primeiro emprego no Japão, primeiro emprego foi no Japão (Sim ou Não), possui curso superior (Sim ou Não), houve migração interna no Japão (Sim ou Não). Observado a analise de regressão, concluímos que apenas o primeiro emprego no Japão e nível superior são significativas para este modelo de regressão log-gama generalizado exponencializado. Assim é afirmado que os alunos que já possuíam alguma graduação ou que conquistaram seu primeiro emprego nas terras nipônicas permanecem por mais tempo neste país.

Palavras-chave: Medidas de Associação, Modelo de regressão, Análise de sobrevivência.

Título: ESTUDO DE FATORES MICROCLIMÁTICOS NAS UNIDADES DEMONSTRATIVAS DE RESTAURAÇÃO ECOLÓGICA E GEOPROCESSAMENTO DE IMAGENS VANTS EM ÁREAS DE NASCENTES NO RIO SÃO LOURENÇO, CAMPO VERDE - MT

Orientador: NORMANDES MATOS DA SILVA

Autor(es):

FABIANA CAROLINA MELO DA SILVA

Resumo: A presente pesquisa considerou que unidade demonstrativa de restauração ecológica, representa um laboratório natural para a realização de experimentos que visam restituir uma condição de não degradação a uma área de preservação permanente, que permita continuar seu processo de recuperação sem mais assistência ou subsídio humano. Este trabalho teve como objetivo auxiliar na elaboração e consolidação de banco de dados georreferenciado , a partir de dados de campo, com foco nas variáveis do meio físico aferidas nas unidades demonstrativas de restauração ecológica, situada em área de nascentes do rio São Lourenço, Campo Verde, MT. Foram analisados alguns indicadores de monitoramento ambiental em áreas de preservação permanente degradadas, a partir de imagens orbitais e suborbitais, com diferentes resoluções espaciais. Para coleta de dados em campo ocorreu a instalação de um termo-higrômetro digital a aproximadamente 1,60 m de altura do solo, em duas unidades amostrais distintas, sendo uma localizada na mata ciliar que recobre a nascente do Rio São Lourenço e a outra na área em processo de recuperação (unidade demonstrativa de restauração ecológica), em ambas foram medidas a temperatura ambiente, temperatura do solo, umidade relativa do ar. A temperatura e umidade do ar foram monitoradas no intervalo de quinze minutos, no período de três horas, a determinação da temperatura do solo foi utilizado um termômetro de mercúrio instalado a 5 cm de profundidade do solo com um anteparo de pvc, onde foi monitorado a cada dez minutos. A temperatura do solo da área que se localiza a APP é menor (média de 20,9°), por outro lado a temperatura do solo na área recém recuperada obteve um número a cima da anterior(média de 22,1°). Na APP é menor pelo fato de que esta é arborizada, com a presença de um curso d’água próximo e o solo tem uma boa cobertura com serrapilheira, o que dificulta o contato direto da radiação solar com a superfície já na Unidade demonstrativa a área é ainda pouco arborizada, mas com espécies de gramíneas que faz uma boa cobertura de solo, apesar disso não está favorecendo ainda um microclima adequado perto de como seria o original. Assim como ocorreu na temperatura do solo, a temperatura do ar também apresentou um aumento quando próximo a área recém recuperada ( Unidade Demonstrativa). Já para a umidade o comportamento foi o contrário, os maiores valores se deram no Interior do Fragmento (APP) média de 74,2%. Os dados de campo foram georreferenciados armazenados num banco de dados em um Sistema de Informações Geográficas. O banco de dados contou com acervo de imagens de satélite (SPOT, Landsat e Fotos Aéreas obtidas por veículo Aéreo Não-Tripulado), além de arquivos vetoriais disponibilizados pela SEMA-MT. Esses dados georreferenciados são um importante instrumento para planos de recuperação de áreas degradadas no município de Campo Verde.

Palavras-chave: restauração, nascentes

Título: ESTUDO DE REPRESENTAÇÕES SOCIAIS CONFORME PROFESSORAS DA REDE MUNICIPAL DE CUIABÁ: APOSENTADORIA: ANSEIOS E A REALIDADE

Orientador: ANA RAFAELA PECORA

Autor(es):


PAMELA THAIS DELMONDES


Resumo: Agência Financiadora: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (FAPEMAT)
Resumo

Este trabalho apresenta os resultados parciais da pesquisa Trajetórias de vida: um estudo sobre as representações sociais do envelhecimento, aposentadoria e morte, para professores de escolas públicas de Cuiabá. O presente recorte tem como finalidade analisar as representações sociais de aposentadoria, segundo 100 professoras da rede de ensino municipal cuiabana. A pesquisa fundamenta-se na teoria das representações sociais de Moscovici, proposta em 1961, onde o autor define serem as representações um saber do senso comum, tão legitimo quanto o saber científico. Para se coletar os dados utilizou-se de evocações de cinco palavras ao termo indutor: aposentadoria – a esta metodologia foi solicitado que justificassem as palavras. Tendo como base a combinação entre os critérios de frequência e ordem média de evocação das palavras, obtidas pelo software EVOC (2003), procedeu-se à análise de similitude, conforme procedimento realizado por Pecora (2007). Nas representações das docentes sobre aposentadoria, destacam-se as seguintes palavras como nucleares: descanso, dever cumprido e recompensa, que indicam o anseio pela aposentadoria, ao mesmo tempo em que entendem a mesma como uma forma justa de retribuição pelo serviço prestado. Na periferia mais próxima a este sistema nuclear, os seguintes termos reforçam as palavras centrais: curtir, recomeço, ter-tempo e viajar. Há, entretanto, um subgrupo de docentes que apontam ser preciso se aposentar com saúde, liberdade, tranquilidade, e ainda, que a aposentadoria indica fim de carreira, baixa remuneração, e também, a necessidade de se continuar as atividades funcionais. Ao submeter os resultados à análise de similitude, puderam-se confirmar as apreciações anteriores, mas este procedimento, ao colocar em alto destaque a palavra descanso, reforçou, ainda mais, o desgaste e o stress das docentes frente as suas atividades laborais, possibilitando com que as representações de aposentadoria oscilem entre as aspirações pelo repouso e as duras realidades socioeconômicas com que convive a população docente no Brasil.

Palavras-chave: Educação, Psicologia Social, Representações Sociais. Aposentadoria.

Título: ESTUDO DE VARIAÇÃO GENÉTICA EM PROGÊNIES DE AROEIRA (MYRACRODRUON URUNDEUVA F.F&M.F. ALLEMÃO) NA REGIÃO DE CUIABÁ-MT

Orientador: REGINALDO BRITO DA COSTA

Autor(es):


1   ...   105   106   107   108   109   110   111   112   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə