Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə147/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   143   144   145   146   147   148   149   150   ...   201

EDNA MARIA BONFIM DA SILVA


JOÃO ANGELO SILVA NUNES

Resumo: O trigo (Triticum aestivum, L.) é uma gramínea de ciclo anual cultivada em todo o mundo, seu cultivo pode ser realizado durante o inverno e a primavera. A implantação do trigo no Cerrado contribui para diversificação dos sistemas produtivos regional, ajudando o produtor a ter uma fonte de renda alternativa, em relação às culturas já estabelecidas na região. Gramíneas em geral de forma isolada têm resposta positiva na produção tanto para adubação com nitrogênio, quanto com enxofre. Sendo assim, objetivou-se avaliar a interação nitrogênio-enxofre em plantas de trigo cultivadas em LATOSSOLO Vermelho do Cerrado. O Experimento foi conduzido em casa de vegetação na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus de Rondonópolis. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em arranjo fatorial 5x5 constituído por cinco doses de nitrogênio (0, 100, 200, 300, 400 mg dm-3) e cinco de enxofre (0, 10, 20, 30, 40 mg dm-3) com quatro repetições. Foram realizadas avaliações semanais, mensais e no final do ciclo da cultura. Os resultados foram submetidos à análise de variância e regressão a 5% de probabilidade. A interação nitrogênio-enxofre não foi significativa, houve efeito significativo apenas para o efeito das doses do nitrogênio isolado, as variáveis massa seca das folhas, de perfilhos, da parte aérea, de raízes e total; número de folhas; diâmetro dos colmos; leitura SPAD; consumo, eficiência no uso da água da parte aérea e eficiência no uso da água total se ajustaram ao modelo linear de regressão com maiores valores observados na dose de nitrogênio 400 mg dm-3.

Palavras-chave: Triticuma estivum L., adubação, sistema auto irrigante

Título: NÍVEIS DE CAL ADICIONADOS À CANA-DE-AÇÚCAR PARA PRODUÇÃO DE CANA HIDROLISADA

Orientador: JOADIL GONÇALVES DE ABREU

Autor(es):

CAMILA GARCIA NEVES


Resumo: A demanda crescente pela cana-de-açúcar como volumoso no período seco do ano tem sido alvo de muitos estudos, uma vez que apresenta alto teor de fibra em detergente neutro (FDN), o que limita o consumo da forragem. Sendo assim, objetivou-se avaliar o efeito da adição de solução cal na forragem de cana-de-açúcar para produção de cana hidrolisada. O experimento foi realizado na Fazenda da UFMT (Santo Antônio do Leverger-MT). O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com três tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos consistiram na adição de solução de cal sobre as forragens de cana-de-açúcar, sendo: cana in natura; 0,5% de Cal; 1,0 % Cal. As forragens de cana-de-açúcar foram irrigadas com solução de cal, obtendo-se de imediato uma coloração amarela, aguardando-se 12 horas para que ocorresse a completa hidrólise e coleta de amostras para análise da composição bromatológica. Houve redução significativa no teor de FDN da cana hidrolisada, com valores de 41,01 e 43,69% para os níveis de cal de 0,5% e 1,0%, respectivamente, em comparação com a forragem de cana in natura (54,26%). O teor de matéria mineral foi maior na cana hidrolisada, com valores de 6,80 e 5,02% para os níveis de cal de 1,0% e 0,5%, respectivamente, em comparação com a forragem de cana in natura (23,57%). Os teores de matéria seca e proteína bruta não diferiram entre a cana hidrolisada e a cana in natura.

Palavras-chave: cal, fibra em detergente neutro, matéria mineral

Título: NÍVEIS DE IRRIGAÇÃO NA CULTURA DO TRIGO CULTIVADO EM DIFERENTES SISTEMAS DE MANEJO DO SOLO

Orientador: ANTONIO RENAN B. DA SILVA

Autor(es):

EDVANDSON DANIEL DE ARAUJO ROSA


Resumo: RESUMO: A região Centro-Oeste do Brasil, sobretudo, no bioma Cerrado apresenta condições edafoclimáticas para o cultivo do trigo, no entanto muitos aspectos do manejoda cultura não estão bem definidos para essa região. Diante disso, objetivou-se estudar a relação entre diferentes sistemas de manejo do solo e diferentes lâminas de irrigação sobre os componentes de produção e a produtividade da cultivar BRS 254. O trabalho foi desenvolvido em propriedade da Empaer localizada no município de Tangará da Serra, com as coordenadas geográficas 14°41’39” latitude sul e 57º25’40” longitude oeste e altitude média de 484m, em solo classificado como LATOSSOLO VERMELHO férrico.A cultivar selecionada para o plantio foi a BRS 254 que tem o potencial de alcançar produtividade de 7.000 quilos por hectare, além de precocidade, o que permite uma boa flexibilidade na época de plantio atingindo o estádio de maturação em 110 dias. Nesse experimento adotou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso em parcelas subdivididas (3x6) com quatro repetições. Nas parcelas estabeleceram-se três sistemas de manejo de solo: semeadura direta, cultivo mínimo e preparo convencional; nas subparcelas usaram-se seis lâminas de irrigação (L1 = 1080; L2 = 992; L3 = 772; L4 = 508; L5 = 288 e L6 = 156 mm). Não houve interação entre fatores lâminas de irrigação e manejos do solo. À medida que se aumentou os níveis de irrigação a tendência foi o aumento do peso de mil grãos. Apenas a L1 superou o valor do peso do hectolitro mínimo exigido para a classificação do trigo como tipo 1 sendo de 78 kg.hL-1. Além disso, L1apresentou a maior produtividade com 2172 kg.ha-1, com uma eficiência na utilização da água de 2,01 kg de grãos por milímetro de água aplicado, eficiência esta 40,88% inferior em relação à L4 na qual não se diferiram.

Palavras-chave: Componentes de produtividade, Trigo em Mato Grosso, Eficiência no uso da água.

Título: NÍVEIS DE IRRIGAÇÃO NA PRODUÇÃO DO TRIGO (TRITICUM AESTIVUM L.) SOBRE CULTIVO CONVENCIONAL NO CERRADO

Orientador: MARCIO WILLIAN ROQUE

Autor(es):

DIEGO MORAIS GALVAO

Resumo: O Brasil consome cerca de 11,7 milhões de toneladas de trigo por ano, acarretando o 3° lugar como importador. Vendo este cenário o país deve buscar novas maneiras de expandir a produção desta cultura, sendo que o cerrado vem como potencial alternativa para a expansão. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento de diferentes parâmetros vegetativos e de produção sob cultivo convencional submetidos a diferentes níveis de irrigação, no cerrado Mato-grossense, na região de Tangará da Serra-MT. O delineamento experimental adotado foi o de blocos ao acaso com quatro repetições. Os tratamentos foram constituídos de 6 níveis de lâmina de água (1080; 992; 772; 508; 288 e 156 mm) e adubação fixa de 60 kg de N.ha-1. Os níveis de irrigação diferiram os valores de peso de mil grãos e altura de planta, sendo que na maior lâmina, obtiveram-se as maiores alturas de planta e peso de mil grãos. Com relação a número de perfilhos, número de panículas, peso do hectolitro e produtividade, não houve diferença significativa para os parâmetros avaliados em função dos níveis de irrigação.

Palavras-chave: manejo da irrigação, trigo, “line source”.

Título: NÍVEIS DE TORTA DE GIRASSOL NA DIETA DE OVINOS CONFINADOS

Orientador: LUCIANO DA SILVA CABRAL

Autor(es):


1   ...   143   144   145   146   147   148   149   150   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə