Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə166/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   162   163   164   165   166   167   168   169   ...   201

WANDERSON JOSÉ RODRIGUES DE CASTRO


RENAN MARVILA DA SILVA SANTOS

Resumo: Uma das formas de reduzir o crescimento de microrganismos indesejáveis e minimizar as perdas por fermentação secundária no silo é a aplicação de bactérias lácticas homofermentativas, que produzem somente ácido láctico em seu metabolismo, como inoculante no momento da ensilagem. Nesse contexto, objetivou-se nesse experimento avaliar o crescimento das populações de bactérias ácido láticas, enterobactérias, fungos e leveduras. Utilizou-se um piquete de capim Tanzânia com 0,5 ha e após 65 dias de crescimento realizou-se o corte e ensilagem do capim-tanzânia, armazenados em silos experimentais com capacidade de 10 litros. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com seis tratamentos e seis repetições: silagem de capim-tanzânia; silagem de capim-tanzânia inoculado com 10% de farelo de trigo; silagem de capim-tanzânia inoculado com 106 ufc/g de estirpes de Streptococcus bovis JB1; silagem de capim-tanzânia inoculado com 106 ufc/g de estirpes de Streptococcus bovis JB1 mais 10% de farelo de trigo; silagem de capim-tanzânia inoculado com 106 ufc/g de estirpes de Streptococcus bovis HC5; silagem de capim-tanzânia inoculado com 106 ufc/g de estirpes de Streptococcus bovis HC5 mais 10% de farelo de trigo. As populações microbianas foram avaliadas, utilizando-se meios de cultura seletivos para cada grupo microbiano: Agar Rogosa (Difco), para enumeração das bactérias láticas (BAL); Violet Red Bile (Difco) para enumeração de enterobactérias (ENT) e Batata Dextrose Agar para a contagem de mofos e leveduras (MEL). Os resultados mostraram que na silagem controle foi verificado maior (P<0,05) número de populações de enterobactérias, mofos e leveduras. Já as silagens inoculadas com Streptococcus bovis HC5 e JB1 adicionadas de farelo de trigo, apresentaram maior número de bactérias ácido lácticas. A atuação do Streptococcus bovis na redução do pH pode ter favorecido o desenvolvimento das BAL, fazendo que estas atingissem populações mais elevadas nas silagens inoculadas. Conclui-se que o Streptococcus bovis JB1 ou HC5 melhora o perfil fermentativo nas silagens, entretanto quando esses estão associados ao farelo de trigo, ocorre maior incremento dos microrganismos desejáveis.

Palavras-chave: Palavras-chave: aditivo, conservação de forragens, valor nutritivo

Título: POTENCIAL BIOTECNOLÓGICO DE MICRORGANISMOS ENDOFÍTICOS ISOLADOS DE PLANTA MEDICINAL DO PANTANAL MATOGROSSENSE

Orientador: MARCOS ANTÔNIO SOARES

Autor(es):

FÁBIO DE AZEVEDO SILVA


Resumo: Endofíticos são microrganismos que interagem no interior da planta hospedeira sem causar sintomas aparentes. Apesar de os endofíticos terem sido descobertos há cerca de 150 anos, existe uma grande e crescente quantidade de conhecimento sendo gerado, especialmente nas áreas da biotecnologia aplicadas a indústria, farmácia e agricultura. Este trabalho teve o objetivo de avaliar a capacidade antimicrobiana de linhagens bacterianas isoladas de folhas de um indivíduo jovem Vochysia divergens Pohl (Vochysiaceae), coletado durante o período chuvoso do pantanal mato-grossense e caracterizar todos os isolados. A planta é conhecida no pantanal por formar extensos cambarazais e também por suas propriedades medicinais. Contudo os estudos sobre sua microbióta endofítica são recentes. Os fungos isolados foram caracterizados por observação das estruturas reprodutivas, quando presentes e as bactérias, por coloração de gram. No teste de antibiose, foram selecionados apenas os isolados bacterianos, que foram testados contra as bactérias patogênicas Escherichia coli e Staphylococcus aureus. Foi utilizado o método de sobrecamadas, com alterações, no qual as bactérias patogênicas são inoculadas em meio de cultura semi-sólido e vertidas sobre os endofíticos. Foi realizada a extração de dna dos isolados bacterianos, a fim de posteriormente avaliar a diversidade genética dos isolados.Os resultados revelaram que todas as bactérias endofíticas analisadas são gram positivas e o gênero Papulaspora é o mais comum entre os fungos isolados. Os testes de antibiose revelaram que 18 isolados inibiram ambos os patógenos, numero superior ao do teste anterior, que foi realizado usando isolados do período seco. Concluiu-se que as bactérias isoladas do período chuvoso possuem potencial antimicrobiano superior ao dos isolados do período seco do pantanal. Este trabalho possibilita que novos estudos sejam realizados para analisar os compostos produzidos por estes microrganismos.

Financiamento: INAU/CNPQ

Palavras-chave: Antibiose; V. divergens; Pantanal.

Título: POTENCIAL NUTRICIONAL DOS FRUTOS DE MURICI PERTENCENTES AO CERRADO BRASILEIRO.

Orientador: LUIZ JOSÉ RODRIGUES

Autor(es):


MAYARA LIMA RIBEIRO RODRIGUES


ALESSANDRA ROSA DA SILVA

Resumo: O murici (Byrsonima crassifolia) é um fruto pertencente ao vasto bioma do cerrado, com uma polpa carnuda e macia pode ser consumido in natura, porém é mais preferido na forma de geleias, doces, licores produzidos pela própria população local. Essa frutífera é apreciada por ser muito saborosa, possuir um perfume leve e um sabor marcante, seu formato é arredondado e sua coloração amarelada identifica o ponto de maturação do fruto, porém a coloração pode variar dependendo do local de sua ocorrência. Nesse contexto, o objetivo do trabalho foi a caracterização química e física do murici. A colheita dessas frutíferas foi em uma região nativa do cerrado brasileiro localizado próximo ao município de Cuiabá, Mato Grosso. Após a seleção dos frutos, os mesmos foram lavados com água corrente e sanificados com NaClO 200mg.L por 15 minutos. Em sequência foram determinadas os teores de umidade (%), extrato etéreo, proteína e cinzas (% na matéria integral), além de sólidos solúveis (SS) (%) e acidez titulável (AT) (mL de NaOH 0,1M) no fruto. O percentual de umidade encontrado no fruto de murici foi de 80,02%. O valor de lipídeo encontrado foi de 1,06%. A proteína foi de 0,65%. O teor de mineral fixo (cinzas) foi de 0,76%. Sólido solúvel obteve teores 10,48%. E acidez titulável 6,7mL de NaOH 0,1M gasto na titulação. As características nutricionais, físicas e químicas encontradas nos frutos de Byrsonima crassifólia incentivam e contribuem com os estudos de valorização dos frutos nativos da região na alimentação humana.

Palavras-chave: Byrsonima crassifólia; frutos nativos; potencial nutricional.

Título: PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NA FORMAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DO ENFERMEIRO PARA A PESQUISA

Orientador: MARA REGINA ROSA RIBEIRO



Autor(es):
1   ...   162   163   164   165   166   167   168   169   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə