Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə192/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   188   189   190   191   192   193   194   195   ...   201

JESSICA SBROGLIA DA SILVA


A proposta de pesquisa insere-se no âmbito do projeto de pesquisa Terra, Trabalho e Família: o passado e o presente nas estratégias de reprodução de um modo de vida campesino pantaneiro. Como objetivo geral o projeto busca compreender como os padrões tradicionais do modo de vida das famílias rurais pantaneiros vem se reconfigurando no sentido de reproduzir o seu modus vivendi diante tanto do processo de modernização, este definido pela lógica da economia de mercado, como pelas recentes políticas e projetos ambientais desenvolvidos no Pantanal e que tem afetado suas estratégias de reprodução. O lócus de investigação é uma comunidade pantaneira de Barão de Melgaço. Como trabalho de iniciação científica definiu-se como objetivos específicos: 1) Sistematizar todas as informações sobre as estratégias do modo de vida “antigo” das sociedades campesinas pantaneiras, das entrevistas realizadas com os “antigos”, que vieram sendo realizadas por alunos de graduação e pós graduação, de 2002 à 2011; 2) Caracterizar as estratégias passadas deste modo de vida campesino pantaneiro, quanto as formas de acesso, o uso e o controle sobre os recursos naturais e sua disponibilidade no tempo , quanto ao gênero. Procedeu-se uma ampla revisão de literatura sobre as seguintes temáticas: campesinato, tendo como eixo norteador a terra o trabalho e a família, a memória para entender o modo de vida antigo das sociedades campesinas pantaneiras, e sobre gênero e geração, para entender a diferença do tempo de “hoje” e o tempo “antigo”. Nesse sentido entendemos a memória como um marcador de gênero, e entender essa diferença foi o que impulsionou a leitura especifica da bibliografia de gênero e memória. Além disso, realizou também uma revisão sobre as monografias e dissertações sobre a comunidade, no intuito de conhecer melhor as características do lócus de pesquisa bem como empreender as criticas sobre esses estudos.
Palavras-chave: Campesinato Pantaneiro; Memória; Gênero.

Título: TESTE DE ACEITABILIDADE DE GELÉIAS ELABORADAS COM CASCAS E POLPA DE ABACAXI (ANANAS COMOSUS L.) E MAMÃO (CARICA PAPAIA L.)

Orientador: LUCIANA COSTA LIMA

Autor(es):


SIDNEY DE ALMEIDA NETO


Resumo: Para expandir os mercados nacionais e internacionais de frutas frescas, o Brasil conta com o interesse pelo consumo de produtos industrializados sob a forma de sucos, polpas, doces, geléias e outros. O processamento, além de estender o período de oferta do produto, tem como objetivo o aproveitamento do excedente da produção, a qual se concentra nas épocas de safra (Licodiedoff, 2008).

O objetivo do trabalho foi realizar teste de aceitabilidade de geléias elaboradas com cascas e polpa de mamão e abacaxi, comparando os atributos de coloração, aroma, textura e sabor dos produtos elaborados.

Abacaxis (Ananas comosus L.) e mamões (Carica papaya L.) foram adquiridos em produtores da região de Barra do Garças, MT. Após seleção, foram lavadas com detergente neutro, enxaguadas em água corrente, sanificadas com cloro livre 200mg L-1 por 10 minutos e descascadas manualmente com auxílio de facas de aço inoxidável. Foram formuladas geléias utilizando-se as cascas e as polpas conforme os seguintes tratamentos T1 - 100% cascas de abacaxi; T2 – 100% polpa de abacaxi; T3 – 100% cascas de mamão; T4 - 100% polpa de mamão. As geléias foram elaboradas por concentração através de cozimento. Para o processamento, ocorreu a medição do teor de sólidos solúveis do suco das cascas e polpas e adicionado água potável até redução a 20°Brix. Em seguida foi misturado um terço do açúcar e a solução foi levada para o cozimento até o início da ebulição e adicionou-se mais um terço do açúcar homogeneizado com pectina. Após nova ebulição adicionado o restante do açúcar, aguardou-se até a concentração de 63°Brix adicionando-se o ácido cítrico diluído para obter pH 3,2 e finalizou-se com a concentração até 68°Brix. Posteriormente, foi realizado o teste de aceitabilidade (notas), em escolas da rede pública da cidade de Barra do Garças – MT, utilizando-se 100 provadores não treinados, de ambos os sexos e de diferentes faixas etárias. Foi utilizada escala hedônica estruturada de nove pontos, sendo um (desgostei muitíssimo), dois (desgostei muito), três (desgostei moderadamente), quatro (desgostei ligeiramente), cinco (nem gostei, nem desgostei), seis (gostei ligeiramente), sete (gostei moderadamente), oito (gostei muito) e nove (gostei muitíssimo) para avaliação da coloração, aroma, textura e sabor, conforme Della Modesta (1994). Para a montagem do experimento foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado (DIC), com 6 (seis) repetições, sendo a unidade experimental constituída de recipiente de vidro contendo 150g de produto. As análises estatísticas foram realizadas utilizando sistema SAS (Statistical Analysis System – SAS Institute Inc., North Carolina, USA), versão 8.0, licenciada para Universidade Federal de Viçosa, 2003. Nas geléias elaboradas com cascas e polpa de abacaxi, os consumidores notaram diferença apenas no atributo textura. Geléias elaboradas com polpa de abacaxi alcançaram nota inferior quando comparada as elaboradas com as cascas.

Nas geléias elaboradas com cascas e polpa de mamão, diferenças foram detectadas nos atributos aroma, textura e sabor. Geléias elaboradas com cascas de mamão alcançaram nota superior quando comparada as elaboradas com a polpa.
Palavras-chave: Geléias, cascas de frutos

Título: TORTA DE ALGODÃO NA DIETA DE CORDEIROS CONFINADOS

Orientador: LUCIANO DA SILVA CABRAL

Autor(es):


ISABELA DE CENI




Resumo: Dentre os estados da região Centro-Oeste, Mato Grosso tem se destacado na criação de ovinos nos últimos anos, além disso, apresenta elevada produção de oleaginosas utilizadas na produção de biodiesel, o que aumenta a disponibilidade de coprodutos que podem ser utilizados na alimentação de ruminantes. O experimento foi realizado no setor de Ovinocultura da Fazenda Experimental da Universidade Federal de Mato Grosso, com objetivo de avaliar o consumo, digestibilidade aparente de nutrientes, características ruminais, síntese de proteína microbiana, desempenho, consumo de água e viabilidade econômica da produção de cordeiros em confinamento, formulou-se as dietas para serem isonitrogenadas, com teor de proteína bruta de 16%, sendo os concentrados compostos por milho moído, farelo de soja, uréia/sulfato de amônio (9:1), mistura mineral e torta de algodão em níveis crescentes (0, 7, 14, 21 e 28% na base seca da dieta. A relação volumoso:concentrado da dieta foi 40:60, sendo a silagem de milho o volumoso utilizado. Avaliou-se o consumo e digestibilidade dos nutrientes, assim como as características ruminais: pH e nitrogênio amonical ruminal (NAR), glicose sanguínea consumo de água e eficiência microbiana. Foram utilizados cinco ovinos mestiços deslanados, castrados, fistulados no rúmen, com peso corporal médio inicial de 51,3 kg, através de delineamento em quadrado latino 5 x 5, O experimento teve duração de 75 dias divididos em cinco períodos de 15 dias cada, sendo os dez dias iniciais destinados à adaptação dos animais e os cinco dias restantes às avaliações (consumo e digestibilidade, pH e concentração de nitrogênio amoniacal ruminal, e a concentração de glicose sanguínea). A dieta foi fornecida duas vezes ao dia (8 e às 16h), na forma de dieta total permitindo-se, em relação ao oferecido, 10% de sobras. Diariamente as sobras do dia anterior foram recolhidas e pesadas, sendo esse procedimento repetido durante todo o período experimental. Os animais foram mantidos em baias individuais, que permitiam o controle da dieta ofertada e mensuração das sobras para determinação do consumo. Os níveis de TA não afetaram os consumos de matéria seca (MS), matéria orgânica (MO), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), carboidratos totais (CT) e nutrientes digestíveis totais (NDT), mas houve aumento de 0,6907 kg/animal/dia e decréscimo de 0,0069 kg/dia/animal para o consumo de extrato etéreo (EE) (P<0,10) e carboidratos não fibrosos (CNF) (P<0,05), respectivamente, para cada 1% de TA acrescido à dieta. A digestibilidade aparente da MS, MO, PB, EE, FDN e NDT aumentou linearmente (P<0,05) em função dos níveis de TA, enquanto que os CNF não foram influenciados. Para o consumo de água (CH2O), houve efeito quadrático (P<0,05) em função do acréscimo de TA na dieta, sendo estimado consumo mínimo de 1,40 L/animal/dia no nível de torta de algodão de 11,88%. O fornecimento de níveis crescentes de TA não alterou os valores de pH ruminal, já para as concentrações de NAR houve redução linear (P<0,01) de 0,1143 mg/dL para cada 1% de adição de TA na dieta.

Palavras-chave: coprodutos, desempenho, características ruminais, ovinos

Título: TRIAGEM ANTIBACTERIANA E ANTIFÚNGICA DE PLANTAS MEDICINAIS DO VALE DO JURUENA, MATO GROSSO

Orientador: DOMINGOS TABAJARA DE OLIVEIRA MARTINS

Autor(es):

1   ...   188   189   190   191   192   193   194   195   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə