Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə197/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   193   194   195   196   197   198   199   200   201

JANESSA SAMPAIO DE ABREU RIBEIRO


CAIO MARCOS CASTALDELI ALVES DE BARROS
Autores: Fernando Franceschini Macedo, Kênia Cristine de Oliveira Feitosa, Janessa Sampaio de Abreu
O transporte de peixes é realizado nas mais diversas fases do processo de produção e estudos têm demonstrado que a captura e o acondicionamento em sacos plásticos provocam respostas fisiológicas importantes nos peixes antecedendo o transporte Como agente estressor, o transporte provoca respostas primárias e secundárias características ao estresse, como alterações hormonais, metabólicas, hematológicas, desequilíbrio hidroeletrolítico e maior suscetibilidade a infestações de parasitas. Este trabalho teve por objetivo avaliar se o uso de sais durante o transporte pode minimizar as respostas de estresse em juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus). Foram utilizados 1200 exemplares de pacu (peso médio de 60 g) capturados em viveiros e transferidos para quatro tanques de alvenaria de 500 litros (300 peixes/tanque) abastecidos com fluxo de água e aeração constantes. Após 24 horas de jejum, para total esvaziamento do trato gastrointestinal, 60 pacus de cada tanque de alvenaria foram acondicionados em sacos plásticos e transportados por 4 horas de acordo com os seguintes tratamentos: Tratamento 1: 0 mg/Lde sal comum (NaCl) e gesso (CaSO4) na água de transporte (controle); Tratamento 2: 6 g/Lde sal comum (NaCl) dissolvidos na água de transporte; Tratamento 3: 150 mg/L de gesso (CaSO4) dissolvidos na água de transporte; e Tratamento 4: 6 g/Lde sal comum (NaCl) e 150 mg/L de gesso (CaSO4) dissolvidos na água de transporte. As coletas de sangue ocorreram antes do transporte (basal), na chegada e 24 horas após transporte. Os resultados foram analisados por ANOVA e expressos pela média ± desvio padrão da média, que foram comparadas pelo teste de Tukey, com nível de 5% de significância. Independente dos tratamentos foi verificado aumento significativo nos níveis de cortisol após realização do transporte (chegada) (116,97 ± 47,49 ?g/mL), com recuperação aos valores basais em 24 horas (69,92 ± 29,66 ?g/mL). Em todos os tempos de amostragem, os peixes transportados com sal e gesso aplicados individualmente apresentaram níveis plasmáticos de cortisol significativamente menores (70,33 ± 32,62 e 67,23 ± 47,28 ?g/mL) que o basal (37,82 ± 19,82 ?g/mL). Foi verificado aumento na glicemia dos peixes após o transporte (291,25 ± 80,09 a 205,13 ± 51,80 mg/dL), e em 24 horas os níveis já tinham retornado ao valor basal (103,63 ± 18,11 a 57,13 ± 12,69 mg/dL), com exceção do tratamento controle, cuja recuperação foi observada em 72 horas (71,88 ± 21,01 mg/dL). Os resultados permitem concluir que o uso de sais é eficaz na minimização de respostas ao estresse em juvenis de pacu.

Palavras-chave: Palavras-chave: pacu, estresse, cortisol e glicemia.

Título: USO DE SENSORES VIS E NIR PARA CARACTERIZAÇÃO DE ATRIBUTOS QUÍMICOS DO SOLO

Orientador: RICARDO SANTOS SILVA AMORIM

Autor(es):

PAULO PINTO DE OLIVEIRA NETO

Resumo: Devido o processo de aquisição de dados para caracterização da variabilidade dos atributos do solo ser oneroso e moroso, o qual é extremamente necessário para a adoção à agricultura de precisão, o presente estudo buscou avaliar o quanto os comprimentos de onda nas faixas do Visível e Infravermelho Próximo (VIS e NIR) obtidos por sensores podem explicar indiretamente os atributos químicos do solo estudado em questão. Para isso foram realizadas coletas de 10 amostras de solo numa profundidade de 0-20 cm de um Latossolo Vermelho distrófico de uma área cultivada com pastagem para determinação de seus atributos químicos, onde estas mesmas amostras, depois de feita as analises de fertilidade, foram submetidas em laboratório aos sensores VIS-NIR contidos no implemento VERIS 3150. De posse desses dados calculou-se a média das leituras entre as bandas que compõe as faixas do VIS (63 bandas) e NIR (321 bandas) e desvio padrão, variância, coeficiente de variação e coeficientes de correlação das médias das faixas de VIS e NIR de cada uma das 10 amostras com seus respectivos valores dos atributos químicos. Posteriormente para seleção das bandas que melhor se correlacionam e explicam os valores dos atributos de fertilidade do solo foi aplicado analise de componentes principais (multivariada) e em seguida para o ajuste das equações se fez uso da analise de regressão (método de Stepwise). Ao fim no trabalho conclui-se que a faixa do Visível (VIS) apresentou uma maior correlação satisfatória com pH e a faixa do NIR com P e K. Com a aplicação da multivariada foi possível o ajuste das equações com coeficiente de determinação acima de 0,9 para pH, P e Ca+Mg. Apesar dos resultados preliminares terem mostrados que a faixa do VIS e NIR apresentam uma correlação satisfatória para alguns atributos, esses nos mostram perspectivas promissoras do potencial deste equipamento para auxiliar na caracterização espacial da variabilidade dos atributos do solo porém, devido a sua efetiva sensibilidade à variação das características do solo e elevada densidade de informações geradas, é cabível o cuidado e a preocupação com o processo de calibração e validação dos sensores tanto para condições edáficas quanto para o manejo e uso em questão do aparelho.

Palavras-chave: Espectroscopia, Veris, Sensores VIS e NIR, Agricultura de Precisão.

Título: USUÁRIOS DO SERVIÇO DE SAÚDE MENTAL E A ATENÇÃO QUE RECEBEM

Orientador: ALCINDO JOSÉ ROSA

Autor(es):


RAÍSA ANNE MARCOLIN


Resumo: Esta pesquisa teve o objetivo de caracterizar e analisar as representações dos usuários das instituições públicas de saúde mental acerca da atenção que recebem. Para a coleta dos dados realizaram-se observações e entrevistas com usuários do Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil – Segredo da Alegria (CAPSi), do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas – Afro Carlos Stefaninni Batista (CAPS A/D), do Centro de Saúde Jardim Guanabara e do Centro de Reabilitação Nilmo Junior, localizados no município de Rondonópolis-MT. O tratamento dos dados foi realizado por meio de categorizações e elaboração de quadros demonstrativos do conteúdo das entrevistas que, posteriormente, foram relacionados e analisados tendo como pano de fundo as diretrizes de saúde mental. Ao longo da revisão da literatura observou-se que a história da saúde mental se confunde com a da assistência à loucura e teve, por muito tempo, como únicos operacionalizadores do sistema, o saber médico e o hospital psiquiátrico, que a partir da Reforma Psiquiátrica foram questionados. No Brasil, as diretrizes para a saúde mental foram construídas considerando a inadequação do tratamento baseado numa imensa quantidade de leitos psiquiátricos e que estão sendo trocados por serviços substitutivos às internações psiquiátricas. No paradigma do que se convencionou chamar de atenção psicossocial se considera a singularidade dos sujeitos e as demais possibilidades de cuidados e atenção à saúde mental, pressupondo, portanto que os usuários da rede de saúde mental devem receber atenção integral. Considerando estes princípios, os dados obtidos desta pesquisa foram assim categorizados: a) Recepção e avaliação acerca da atenção que recebem; b) Participação dos familiares no tratamento; c) Atividades realizadas durante o tratamento; d) Avaliação acerca das atividades oferecidas pelas instituições; e) Avaliação acerca de aspectos cotidianos que beneficiam o tratamento; f) Avaliação acerca de aspectos cotidianos que atrapalham o tratamento. A análise dos dados permitiu considerar que embora as diretrizes da política nacional de saúde mental sejam muito bem elaboradas, na prática não funcionam satisfatoriamente, pois faltam profissionais especializados, materiais para a realização de oficinas terapêuticas, e apoio aos familiares dos usuários, não conseguindo, portanto, cumprir com o princípio da integralidade do cuidado e atender a todos e a todas as necessidades desse usuário.

Palavras-chave: Palavras-chave: saúde mental, atenção psicossocial, usuários.

Título: VALIDAÇÃO DE METODOLOGIA PARA ANÁLISE DE GLIFOSATO EM ÁGUA POR CROMATOGRAFIA DE TROCA IÔNICA

Orientador: ANTONIO BRANDT VECCHIATO

Autor(es):

1   ...   193   194   195   196   197   198   199   200   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə