Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə54/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   50   51   52   53   54   55   56   57   ...   201

ALVARO FELLIPE PETRY MENDES VIEBRANTZ


Resumo: O trabalho desenvolvido está relacionado com a parceria entre o IC-UFMT e o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) com o objetivo de desenvolver um software capaz de fazer o armazenamento e gerenciamento de informações obtidas de bases de patentes no intuito de auxiliar empresários na busca de informações tecnológicas.

As informações contidas em bases de patentes são imprescindíveis para o desenvolvimento de novas tecnologias, assim o desenvolvimento de uma base de dados que contemple essas informações permite que empresários possam realizar esse tipo de busca de forma integrada. Essa problemática traz inerente a questão do processamento estatístico de milhões de registros, assim é necessária a criação de bases de dados que consigam armazenar e disponibilizar esse tipo de conjunto de dados. Um dos pontos importantes do trabalho foi entender como funciona o sistema de patentes, que tipo de informações são relevantes para serem visualizadas dentro do software e que dados são necessários para a geração dessas informações. Nesse ponto tivemos o auxilio do INPI que possui um conhecimento mais profundo nessa área.

Foi gerada uma primeira versão funcional do software utilizando um Sistema Gerenciador de Banco de Dados Relacional, o Postgresql, por conta do conhecimento que o grupo já possui com esse banco de dados e a facilidade atual de se trabalhar com bancos relacionais em conjunto com ferramentas de ORM e persistência como o Hibernate. Foi utilizado para o desenvolvimento o framework web JBoss Seam com o servidor de aplicação JBoss, que facilitou muito o desenvolvimento do software pelo sua propriedade de desenvolvimento RAD (Rapid Application Development).

Para tratamento das informações estatísticas foi integrado ao software uma plataforma de Business Intelligence (BI) baseada no produto Pentaho. A versão atual do software contempla o uso de conceitos de Online Analytical Processing (OLAP) e Data Warehouse, o que significa que para cada projeto definido pelo usuário é gerado um cubo de dados que permite que o usuário navegue sobre os dados de patentes realizando cruzamentos de dados variados e suas visualizações gráficas. Como trabalhos futuros está sendo feito um estudo para se determinar uma modelagem e implementação que melhor trabalha com uma grande quantidade desses documentos de patentes. Está sendo estudada as tecnologias mais recentes em banco de dados, principalmente na área dos bancos não relacionais e de natureza distribuída para se obter uma melhor performance e consistência quando for necessária a geração de estatísticas com os dados das patentes armazenadas. Em relação ao processo de desenvolvimento do software, a equipe de desenvolvimento integrou funcionários do CEDIN-INPI com professores e alunos do Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). A metodologia utilizada agregou práticas das metodologias Scrum e Programação Extrema, com o processo sendo automatizado com as ferramentas Redmine (para controle das atividades) e Subversion (para controle de versões).

Palavras-chave: Banco de Dados, Prospecção Tecnológica, NoSQL, Java

Título: BIODISPONIBILIDADE E POTENCIAL DE EXTRAÇÃO DE NUTRIENTES DO SOLO POR DIFERENTES ESPÉCIES DE PLANTAS

Orientador: JOSÉ FERNANDO SCARAMUZZA

Autor(es):


ANNE CAROLINE COSTA


Resumo: A ocupação de áreas potencialmente agrícolas no cerrado brasileiro contribuiu para o aumento na utilização dos insumos a fim de obter aumento de produtividade. No entanto a natureza não renovável dos insumos bem como a degradação causada ao ambiente sua obtenção, geram a preocupação de selecionar plantas que sejam capazes de produzir relativamente bem em ambientes de baixo potencial produtivo e de baixa fertilidade do solo. Tendo em vista a escassez dos recursos produtivos, este trabalho teve por objetivo estudar a capacidade de extração de nutrientes por diferentes espécies de plantas em solo de fertilidade natural. Realizou-se um experimento em casa-de-vegetação em delineamento inteiramente casualizado, composto por 14 espécies vegetais, semeadas em vasos de PVC contendo 2 kg de solo, sendo 4 repetições. As plantas foram cultivadas até o início do florescimento de cada espécie, posteriormente foram colhidas as partes áreas para avaliar: produtividade de massa verde e de massa seca, teores e estoque de macronutrientes na massa seca. Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância e comparação de médias pelo Teste de Tukey a 5%, mediante uso do software Assistat 7.5 beta. A produção de massa verde (MV) e de massa seca (MS) diferiu entre as plantas, sendo que a maior produtividade ocorreu com as gramíneas, exceto o trigo que produziu a menor quantidade de MV e de MS entre as plantas estudadas. Os teores e os estoques de macronutrientes também foram maiores nas gramíneas. No solo, os teores de macronutrientes não diferiram com os tratamentos, exceto os teores de K, que foi mais exigido pelas gramíneas (milheto, milho e sorgo, com exceção do trigo).

Palavras-chave: espécies vegetais, biodisponibilidade de nutrientes

Título: BIODIVERSIDADE FITOPLANCTÔNICA DO RIO GUAPORÉ NA AMAZÔNIA MERIDIONAL, MATO GROSSO

Orientador: SIMONI MARIA LOVERDE OLIVEIRA

Autor(es):

SILVANIA PEREIRA DA SILVA


Resumo: Este estudo teve como objetivo identificar a diversidade biológica fitoplanctônica no rio Guaporé, município de Vila Bela da Santíssima Trindade (MT); e caracterizar a estrutura da comunidade abordando aspectos de sua composição, riqueza, densidade e diversidade das espécies. A amostragem ocorreu em sete pontos (Baía São João, Baía do Simplício, Baía João Grande, Baía Furado da Areia, Baía Fazendinha, Rio Guaporé a jusante e a montante da cidade de Vila Bela da Santíssima Trindade). Foram realizadas quatro coletas entre fevereiro e junho de 2012. As amostras qualitativas foram coletadas com rede (25 µm) e as quantitativas por passagem de frasco na subsuperfície. Os organismos foram contados pelo método de sedimentação em microscópio invertido. Totalizaram 141 táxons, distribuídos em 09 classes taxonômicas. A classe Zygnematophyceae foi representada por 61 táxons, Chlorophyceae 22 táxons, Euglenophyceae 20 táxons, Cyanobacteria 17 táxons, Bacillariophyceae 12 táxons, Chlamydophyceae 4 táxons, Chrysophyceae 2 táxons, Cryptophyceae 2 táxons, Oedogoniophyceae 1 táxon. Nos ambientes do rio Guaporé, a comunidade teve em média densidade variando de 113-1541 ind.mL-1, riqueza média de 7-15 taxa/amostra e diversidade de 0,36-0,77 bits ind-1. A riqueza de espécies durante a cheia (1ª e 2ª coleta) foi determinada por Zygnematophyceae e Cyanobacteria e na vazante (3ª e 4ª coleta) esses grupos foram acompanhados por Chlorophyceae em todas as estações de coleta. Considerando a variação da densidade fitoplanctônica no período de cheia foi verificado que as Cyanobacterias (Pseudanabaena sp.) apresentaram maior contribuição relativa compondo em todos os pontos amostrados cerca de 70 a 90% da densidade total. Enquanto que na vazante ocorreram Cyanobacterias (Pseudanabaena sp.) e Cryptophyceae (Cryptomonas sp.) ambas contribuíram entre 50 e 80% da densidade total de todos os locais. A diversidade foi similar com reduzida variação espacial e temporal. A riqueza durante a cheia foi maior na Baía Fazendinha (40 taxa/amostra) e menor na Baía do Simplício (12 taxa/amostra). No período da vazante a riqueza teve o maior valor na Baía São João (45 taxa/amostra) e menor valor no rio Guaporé a montante da cidade (21 taxa/amostra). A densidade média foi menor (121 ind.mL-1) no rio Guaporé (a montante), enquanto que na Baía Fazendinha ocorreu a maior densidade (461 ind.mL-1). A composição taxonômica foi representada por classes e táxons comuns aos ambientes e período amostral. O fitoplâncton dos sistemas analisados no rio Guaporé foram muito similares quanto à riqueza e diversidade, porém ocorreu marcante variação na densidade média total indicando forte influência de fatores ambientais locais.

Palavras-chave: Fitoplâncton, Amazônia Meridional, lagos rasos

Título: BIOMASSA, TEOR E ESTOQUE DE CARBONO NOS COMPARTIMENTOS DA VEGETAÇÃO DE UM FRAGMENTO DE CERRADO STRICTO SENSU.

Orientador: OSCARLINA LUCIA DOS SANTOS WEBER

Autor(es):

1   ...   50   51   52   53   54   55   56   57   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə