Universidade federal de mato grosso caderno de resumos



Yüklə 2.68 Mb.
səhifə77/201
tarix21.08.2017
ölçüsü2.68 Mb.
1   ...   73   74   75   76   77   78   79   80   ...   201

LIGIA MARIA DE LANA BELLO


Resumo: As cosmologias indígenas representam modelos complexos que manifestam suas concepções referentes à origem do Universo e de todas as coisas que existem no mundo. Toda sociedade indígena elabora a sua própria teoria do mundo e explicações a respeito do universo, e na vida cotidiana, essas teorias dão sentido, permite interpretar acontecimentos, ponderar decisões que orientam a ação dos indivíduos. O presente trabalho foi realizado a partir da pesquisa desenvolvida enquanto bolsista de iniciação científica/ PIBIC/CNPq – 2011/2012, intitulada “Cosmovisões: a relação entre o pensamento cosmológico e a vida universitária e interétnica dos estudantes indígenas Bororo participantes do Programa de Inclusão Indígena “Guerreiros da Caneta” – PROIND da UFMT/PROEG, parte do Projeto de Pesquisa “Vidas Divididas: Ensino superior e povos indígenas”, registrado na PROPEQ/UFMT sob o Nº160/CAP/2011. Nela objetivou-se fazer um breve levantamento da cosmologia Bororo da terra indígena Meruri situada no município de General Carneiro originais do estado do Mato Grosso, a partir dos conhecimentos dos estudantes dessa etnia. No trabalho busco ainda apresentar os efeitos gerados pelo exercício da convivência da diversidade cultural, étnica e linguística na universidade e no cenário urbano no que diz respeito á suas cosmologias e formas de explicações nativas, além dos efeitos da formação superior em suas vidas. A pesquisa foi orientada pelo método etnográfico e os dados foram coletados através da observação e pesquisa participante no cotidiano dos estudantes. Foram realizadas entrevistas abertas e registro de narrativas de vida. Assim, foi possível levantar informações referentes à cosmologia do povo Bororo e identificar junto aos estudantes como estes vivem o cotidiano universitário dos cursos onde estão inseridos e as orientações de sua cultura no que tange à cosmologia de seu povo.

Palavras-chave: Cosmologia; PROIND

Título: CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO DE RECÉM-NASCIDOS DE RISCO EM CUIABÁ: INQUÉRITO DOMICILIAR

Orientador: CHRISTINE BACCARAT DE GODOY MARTINS, FERNANDA CRISTINA AGUIAR LIMA, MARIA APARECIDA MUNHOZ GAÍVA

Autor(es):

TIARA AIDA OLIVEIRA PESSOA


Resumo: O crescimento e desenvolvimento infantil estão intimamente ligados à qualidade da saúde infantil. A pesquisa buscou analisar o crescimento e desenvolvimento de recém-nascidos de risco, decorridos seis meses do nascimento, bem como a satisfação da mãe em relação ao atendimento prestado pelos serviços de saúde. Trata-se de um estudo descritivo, cuja população foi composta por 107 recém-nascidos de risco nascidos em Cuiabá-MT em janeiro de 2011. Os dados foram analisados eletronicamente pelo programa EPINFO. A população foi selecionada de acordo com a classificação de risco estabelecida pelo Ministério da Saúde: gestação com menos de 37 semanas; peso de nascimento inferior a 2.500g; Apgar no 5º minuto menor que 7; mãe com idade inferior a 18 anos; mãe com menos de oito anos de estudo; hospitalização ou intercorrência na maternidade ou unidade de assistência ao RN; necessidade de orientação especial na alta da maternidade ou da unidade de RN; história de morte de criança menor de 5 anos na família. Entre a população de estudo, 13 encontravam-se com peso inadequado para a idade e 25 abaixo da curva estatural esperada para a idade. Em relação ao desenvolvimento neuropsicomotor (DNPM), 27 crianças em pé, não sustentavam o corpo; 16 não tinham preferência por cores e 11 levantadas pelos braços, não ajudavam com o corpo. Quanto ao acompanhamento do crescimento e desenvolvimento, 79 crianças estudadas o realizam na rede básica de atenção à saúde (UBS/ESF). Dentre as crianças que não utilizam a rede básica para acompanhamento de crescimento e desenvolvimento (28), 13 utilizam clínicas particulares, 6 hospitais conveniados ao SUS, 6 realizam em outro serviço e 3 não responderam a pergunta. Das crianças estudadas, foi possível ter acesso a 99 cadernetas, sendo que 92 delas estavam com seu preenchimento incompleto. Os profissionais médico e enfermeiro foram apontados como os que realizam as consultas. A avaliação sobre a satisfação da mãe/ responsável pela criança evidenciou que as maiores queixas quanto ao atendimento da rede básica de saúde, foram: falta profissional de saúde preparado para lidar com criança, falta de estrutura física, equipamentos e materiais para o cuidado. É necessário urgente investimento em estrutura física e tecnologias, equipes multidisciplinares treinadas, reeducação das mães quanto à importância do acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil, tanto quanto o adequado uso da caderneta de saúde da criança, tanto pelos profissionais quanto pelos responsáveis pelo menor.

Palavras-chave: Análise de sobrevida; Baixo peso ao nascer; desenvolvimento infantil; Grupos de risco.

Título: CRIAÇÃO DE UM BANCO DE DNA GENÔMICO DE BRYCON MICROLEPIS

Orientador: LENICY LUCAS DE MIRANDA CERQUEIRA

Autor(es):

AMANDA GUIMARAES CARDOSO




PABILA STEPHANIE DE SOUZA


Resumo: Brycon microlepis é uma espécie de peixe de água doce, nativa da Amazônia. Popularmente conhecida como piraputanga, é frequentemente encontrada nas bacias do estado de Mato Grosso, habita águas como Bacia do Prata, Bacia do Pantanal e Rio Cuiabá e possui grande importância econômica, turística, ecológica e cultural no estado, é famosa pelo delicioso sabor de sua carne avermelhada. Também faz parte da alimentação de diversas famílias ribeirinhas do local. O gênero Brycon possui cerca de 60 espécies, porém, apesar dessa diversidade de espécies, pouco se conhece sobre suas características biológicas, ecológicas e genéticas. Ações antrópicas são apontadas como possíveis causas do decréscimo da população da espécie. Para a sua minimização, dentre as várias estratégias de conservação, destaca-se a criação de bancos de DNA, que consiste em amostras de DNA devidamente extraído e isolado para o desenvolvimento de pesquisas. A partir destes dados pode-se proceder, por exemplo, a análise da estruturação genética, desenvolvimento de estratégias de manejo e conservação da espécie. O objetivo deste trabalho foi criar um banco de material genético de Brycon microlepis, possibilitando posteriores estudos sobre a espécie e adequar o protocolo de extração. Até o presente momento este banco contém 42 amostras de DNA genômico extraídos da nadadeira caudal de espécimes em distintas localidades do estado de Mato Grosso, tais como: São Gonçalo Beira Rio (Rio Cuiabá), Sto. Antônio do Leverger (Rio Mimoso, Rio Aricá, e Aricazinho) Barão de Melgaço (Rio Mutum) e Barra do Bugres (Rio Paraguai). A extração de DNA foi realizada com base no protocolo de Aljanabi & Martinez (1997) com as devidas adaptações. As amostras foram testadas em gel de agarose para verificação da qualidade do DNA e em seguida foram armazenadas a – 20 °C. Este banco está sendo rotineiramente expandido pela inclusão de novos dados e amostras e vem sendo explorado na investigação da variabilidade genética da espécie.

Palavras-chave: Brycon, microlepis, banco, dna

Título: CUIDADO REALIZADO PELO HOMEM NA EXPERIÊNCIA FAMILIAR DE ADOECIMENTO POR CONDIÇÃO CRÔNICA

Orientador: ROSENEY BELLATO

Autor(es):


1   ...   73   74   75   76   77   78   79   80   ...   201


Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©azkurs.org 2016
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə